30/10/2019 às 09h36min - Atualizada em 30/10/2019 às 09h36min

Marcos Rocha é pré-candidato a prefeito em Redenção do Gurguéia

- Portal Gurguéia
As eleições municipais irão acontecer no próximo ano e vários nomes já surgem para disputarem o pleito no estado do Piauí. O advogado e presidente do PSC (Partido Social Cristão), na cidade de Redenção do Gurguéia, Marcos Rocha Amorim Filho declarou ao Viagora que é pré-candidato a prefeito no município.

“Minha família é tradicionalmente política em Redenção do Gurguéia. Meu avô, Euzébio Amorim foi um dos fundadores da cidade, vereador e vice-prefeito”, relatou o político.

O pré-candidato que é advogado, membro da subcomissão de Direitos Humanos da OAB-PI subseção de Bom Jesus, falou também da sua trajetória. “Sou filho de Brasília, mas piauiense de coração. Desde o ano que nasci (1976) todos os anos fui à Redenção. Graduei-me em Direito pelo Centro Universitário de Brasília DF. Já trabalhei na Caixa Econômica Federal, Petrobrás Distribuidora, Câmara dos Deputados, Ministério do Trabalho, como também fui Procurador adjunto em Redenção”.

Marcos Rocha fala dos motivos que o levaram a disputa e afirma que está preparado para administrar a cidade. “Tenho visto uma enorme malversação do dinheiro público, pessoas que na verdade não querem ver o bem das pessoas necessitadas e se envolvem na política apenas para satisfazer os seus egos e pautam suas trajetórias políticas em propinas, desvios de dinheiro público, fazem obras pela metade do preço e com péssimos materiais de construção, com o fito exclusivo de sobrar mais dinheiro. Redenção do Gurguéia, precisa virar à página e avançar, pois, do jeito que está é considerada uma cidade abandonada, esquecida”.

Ainda sobre a cidade, o pré-candidato ressalta: “Precisamos melhorar, juntamente com a sociedade civil, família e professores, os índices do IDEB, na medida em que temos um dos piores índices do estado e Brasil. Precisamos incentivar o lazer na cidade (lazer não é banda de forró), para tirar os jovens das drogas, alcoolismo e outros problemas. Fazer uma saúde preventiva, dente outras melhorias”.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar
(caracteres restantes: 500)
Envie a sua sugestão de pauta ou matéria
Fale conosco
Fale conosco, envie a sua sugestão de pauta ou matéria: