REPORTAGEM

Acusado de infectar mulheres com vírus HIV se entrega à Justiça
Ele fazia sexo sem preservativo mesmo sabendo que é portador do vírus e só depois informava suas condições às mulheres.





O empresário Renato Peixoto Leal Filho, de 43 anos, acusado de contaminar mulheres com vírus HIV se apresentou à Justiça nesta segunda-feira (03). Ele foi denunciado por lesão corporal gravíssima.

De acordo com o relato, ele fazia sexo sem preservativo mesmo sabendo que é portador do vírus e só depois informava suas condições às mulheres.

Renato Peixoto Filho

(Renato é morador da Barra da Tijuca-RJ)

A primeira vítima denunciou o caso há dois anos, depois, outra vítima também relatou o fato. As duas descreveram que ele marcava encontro através de redes sociais, depois as convenceu a ter relações sem proteção e ainda dizia que iria “marcar a vida” da parceira.

Em entrevista ao jornal Extra, Renato Peixoto confirmou ser soropositivo e ter transmitido a doença para duas vítimas, mas negou que tenha feito sexo sem preservativo com o intuito de infectá-las.

 

 

 

Fonte: VIAGORA

 

 

 




Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



REPORTAGEM  |   25/10/2019 09h47





REPORTAGEM  |   20/10/2019 16h03


REPORTAGEM  |   28/07/2019 18h35