PIAUÍ

Ciro busca solução para falta de geólogos no Piauí





A falta de geólogos no Piauí foi o tema de reunião realizada nesta quarta-feira (05) entre o senador Ciro Nogueira (Progressistas), o diretor-presidente do Serviço Geológico do Brasil - CPRM, Esteves Colnago, e as deputadas Progressistas Iracema Portella e Margarete Coelho.

Ciro solicitou a cessão de um profissional do CPRM para o Piauí. O senador explicou que muitos servidores do setor se aposentaram recentemente, o que resultou na diminuição do quadro e na insuficiência de geólogos para suprirem as demandas do estado.

De acordo com Ciro, mais de R$ 70 milhões em recursos da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) estão sem uso por causa da falta de profissionais para darem andamento aos projetos. O senador pediu que o CPRM e a Funasa trabalhem em conjunto para dar agilidade na solução do problema. “Milhares de piauienses dependem da liberação desses projetos para ter acesso à água”, destacou.

Nesta semana, Ciro já havia se reunido com o presidente da Funasa, Ronaldo Nogueira, e o deputado Átila Lira, para buscar uma saída para a questão. “Estamos empenhados em vencer esse desafio.  O nosso estado não pode ser prejudicado pela ausência de profissionais tão importantes quanto os geólogos”, afirmou Ciro.



Visualize o arquivo de texto:






COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM