BOM JESUS

Mulher Inteligente: buscou nos livros o caminho para o sucesso profissional e na família o sossego necessário.
Caçula de 03 irmãos , ela sempre foi determinada e correu atrás de seu sonho





Doutora Jaqueline Zanon de Moura não imaginava seguir carreira nas agrárias ( desejava a matemática, as exatas) mas entre 2 vestibulares o improvável ocorreu: passou para Engenharia Agronômica na Universidade Federal do Piauí.

Revisora de 04 Periódicos e participação em 07 Artigos científico da área, além de participar de dezenas de Bancas de Trabalhos de Conclusão de Cursos Acadêmicos e participação em diversos Trabalhos de Extensão e Trabalhos Científicos, ela é mãe das meninas/bailarinas: Joana e Júlia.
Aquela menina que veio da roça agora teria a “roça” como objeto de estudo e base para seus trabalhos científicos e carreira profissional.

Nina ( como é chamada carinhosamente pela família e amigos próximos) sempre foi uma menina ágil e que adorava jogar pelada/futebol com os meninos da comunidade onde morava; inúmeras vezes trocava os afazeres da casa  pelo da lavoura e com isso aprendeu a dirigir primeiramente um trator, veículo este que servia para transportar grãos da lavoura para o galpão e ela não perdia a oportunidade de executar essa função com maestria.

Já no Piauí ela estudou no Colégio Agrícola de Bom Jesus, onde hoje a maioria de seus ex-professores são colegas de trabalho. Dois professores  que estiveram presente  em  boa parte de suas conquistas acadêmicas hoje  são grandes amigos ( Zé Orlando Piauilino e Egnilson Moura); em 2012 concluí seu Doutorado em Produção Vegetal pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, mas até este título chegar ela passou pelo desafio de morar na Capital Piauiense para cursar a graduação em agronomia.

Fábio Novo e Ramon Lousada são pessoas especiais e que ajudaram muito nesta fase de sua vida ( morou com Fábio e contou com a ajuda dele para as adaptações iniciais). Formada, passou em Concurso Público e  teve sua primeira experiência profissional em Floriano-PI onde tempos depois veio para Bom Jesus-PI onde se encontra até hoje.

Jaqueline é rotariana e foi presidente do clube em 2019/2020; em seu governo 03 mulheres tomaram Posse, que era uma das metas do Distrito e do clube; além disso teve o Festival de Chopp no CTG (Centro de Tradições Gaúchas de Bom Jesus) que superou todas as expectativas  onde conseguiram realizar as doações para a Fundação Rotária e títulos de reconhecimento.

Aquela menina que ainda criança caminhou 35 km a pé só para poder abraçar sua mãe hoje se tornou uma grande mulher que busca ajudar o próximo seguindo o princípio: “O que uma mão dá a outra não precisa ver”.
 
 



Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



BOM JESUS  |   17/04/2021 08h31

Bom Jesus - PI
 




BOM JESUS  |   14/04/2021 14h56

Bom Jesus - PI
 

BOM JESUS  |   13/04/2021 19h50

Bom Jesus - PI